Dia Mundial do Coração é celebrado pelos alunos da MAX com aula prática

DSC_0387O curso de Fisioterapia promoveu uma aula prática sobre os riscos cardíacos

No dia 29 de setembro é comemorado no mundo inteiro o Dia Mundial do Coração. E a melhor forma de celebrar esta data é exercer ações conjuntas para diminuir a principal causa de morte que são as doenças cardiovasculares, principalmente as doenças do coração. E para celebrar esse dia o curso de Fisioterapia, com o professor José Eustáquio Junior, da Faculdade Max Planck realizou uma aula prática para analisar o risco cardíaco dos alunos, além de fornecer informações.

Os alunos avaliaram as pessoas presentes no centro de Convivência, durante o intervalo, e cada grupo realizou um breve diagnóstico sobre os riscos cardíacos, procurando saber sobre as necessidades e possíveis melhoras das condições e qualidade de vida na rotina dessas pessoas. “Fomos separados em três grupos, com o objetivo de levar informações até as pessoas. E cada grupo realizou orientações conforme os temas abordados em salas: Índice de massa corporal (IMC) e circunferência abdominal para cálculo de risco cardíaco, pressão alta e acidente vascular cerebral (AVC), tabagismo, doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) e saúde do coração”, afirma a aluna Francine Kalomenconkovas, 8º semestre.

O estudante Deomário Ramos Pinheiro, do 2º semestre comenta sobre a importância dos cuidados com a saúde. “O aprendizado é constante e podemos observar que atitudes simples e saudáveis são fatores decisivos para evitar complicações cardíacas em especial o controle da PA, pressão arterial. Com atividades físicas como caminhada, além da alimentação saudável são fatores importantes para uma vida com mais saúde tanto física quanto mental”.

Consolidando a abordagem multidisciplinar na prática para melhorias e educação na saúde, com responsabilidade crescente na elaboração e aplicações de programas de estímulo à saúde, o curso de Fisioterapia propõe aos estudantes um Metodologias Ativas capazes de inseri-los no mercado de trabalho. “A prevenção e promoção à Saúde Pública é sem dúvida o principal objetivo frente a um país carente de atendimentos básico quando o assunto é qualidade de vida da população. Caminhadas diárias de 30 minutos, no mínimo três vezes por semana, não fumar, dormir bem, beber moderadamente, não fumar e controlar a pressão arterial são e sempre serão atividades básicas para se ter qualidade de vida”, declara o estudante.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s